• Danielle Lins

Cor, charme e afeto em um só lugar

Atualizado: Jan 30

O jeito divertido e espontâneo de Lila faz ela viver de bem com a vida e a superar os desafios. Crédito: Diêgo Albuquerque Fotografia

Alto-astral, garra e alegria são algumas das características que definem a cabeleireira e empreendedora Ana Claudia Souza do Espírito Santo, mais conhecida como Lila. Atuando há mais de 30 anos na profissão, ela deu os primeiros passos na área ainda muito jovem. “Comecei a trabalhar aos 13 anos no salão de dona Eunice, uma das principais cabeleireiras daqui. Fui até ela a pedido da minha mãe e solicitei que me desse uma oportunidade de trabalho. De primeira, trabalhava apenas aos sábados, ficava auxiliando ela, varria o salão, depois passei a lavar os cabelos, em seguida fiquei dois dias, daí então passei a trabalhar a semana toda”, relembra emocionada.


Aos poucos, Lila foi se especializando, fazendo cursos, participando de congressos, aproveitando a chance de aprender ao lado de dona Eunice, o que a levaria posteriormente a montar o próprio salão. “Tudo que eu aprendi foi através dela. Depois de certo tempo Ddona Eunice foi repassando o salão para a equipe enorme que trabalhava com ela. Eu e mais uma colega de trabalho firmamos uma parceria de 10 anos”, explica.


Realocando para outro espaço, surgiu o Centro de Beleza Ksa Rosa que hoje conta com oito profissionais e os serviços de cabelo, unha, sobrancelha, maquiagem e depilação. “Já fui aumentando, trazendo minhas irmãs, cunhada e filha para trabalhar comigo. Há 30 anos tenho o meu salão de beleza. Demos esse nome porque as clientes sempre se referiam ‘casa rosa’ ao indicar o endereço, justamente a cor que pintamos quando viemos para cá porque essa casa era bem velhinha. Antes se chamava Centro de Beleza Modelarte”, ressalta.


Casada, com uma filha de 28 anos, um filho de 18 e um neto de 5 anos, Lila é grata por tudo que alcançou e não esquece que veio de uma família humilde. “Tudo que eu tenho foi graças ao meu trabalho como cabeleireira. Construí minha casa, comprei o carro com o meu marido, pude pagar escolas para os meus filhos, mas tudo com esforço do meu trabalho. Vim de uma família muito pobre de só ter o básico para comer. Então eu fui à luta e me sinto uma mulher guerreira e realizada na minha profissão”, afirma.


Aos 49 anos, Lila se sente ainda mais apaixonada pelo que faz. “É tudo que eu amo fazer, quando eu passo do meu portão para cá deixo os problemas em casa, do mesmo jeito aqui, quando saio do meu trabalho não levo nada para casa, esqueço tudo. Além disso, eu sou um pouco de psicóloga e palhaça para as minhas clientes. A gente oferece autoestima. Quando a cliente chega um pouco triste já queremos animá-la e deixá-la bonita. Eu viajo, passo uns dias fora e já fico sentindo falta”, conta sorridente.


Com tantos a fazeres para dar conta no dia a dia, Lila se divide entre casa, família e trabalho. O segredo para ela é organização. “Eu me viro nos 100, são várias mulheres em uma. Procuro me organizar e botar Deus na frente que dá para conciliar tudo. Não deixo de atender as minhas clientes de jeito nenhum, sempre trabalhei pensando na necessidade delas. Ainda dou conta de lar, marido, filhos e tomo a frente da parte financeira do meu negócio. No salão, se precisar varro, passo pano de chão, lavo o banheiro, não vou ficar esperando alguém fazer”, enfatiza.


Superando os desafios que surgem ao longo do tempo, Lila se mantém de bem com a vida, contagiando todos à sua volta. “Não tem coisa melhor que se sentir realizada, fazer o que gosta, o dinheiro é só um complemento. O meu trabalho me deixa mais solta, mais liberta, tem sempre coisa nova para mim”, expressa.


Gostou desse conteúdo? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.

LOGO 2-03.png

Siga a AC nas mídias sociais

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • LinkedIn
  • Branca ícone do YouTube

Todos os Direitos Reservados © 2020 DANIELLE LINS